Vida saudável e risco de demência

header_site

Outra evidência da conexão coração-cérebro!

Estudo publicado esta semana no periódico Neurology avaliou a relação entre vida saudável (fitness) e risco de demência.

A disfunção cardiovascular e o envelhecimento vascular são condições sistêmicas que afetam os principais órgãos do corpo humano, incluindo o cérebro.

As doenças cardiovasculares e os fatores de risco cardiovasculares (como obesidade, tabagismo, sedentarismo, diabetes, colesterol elevado, etc.) estão associados a um risco elevado de desenvolver demência.

Essas associações são importantes porque revelam uma oportunidade em potencial para prevenir a demência através do tratamento das doenças cardiovasculares e seus fatores de risco com opções medicamentosas e principalmente intervenções no estilo de vida que melhoram a saúde cardiovascular.
Dados observacionais sugerem que uma melhor adesão a um estilo de vida saudável está associada a um risco reduzido de demência.

Os mecanismos que ligam os estilos de vida saudáveis ​​à saúde do cérebro ainda não são totalmente conhecidos.
O que é bom para o coração realmente parece ser bom para o cérebro também.

Sobre neurologiarecife

Dr. Igor Bruscky Médico Neurologista em Pernambuco
Esse post foi publicado em Diversos, Doença de Alzheimer, Memória, Saúde e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s