Trabalhar mais de 55 horas por semana aumenta risco de AVC

cadeira vazia

Existe uma vinculação estatística entre muitas horas de trabalho e risco de acidente vascular cerebral (AVC). Trabalhar mais de 55 horas por semana está associado a um risco um terço maior de AVC em comparação a trabalhar de 35 a 40 horas por semana. Esse é o resultado de uma metanálise internacional que resumiu e analisou 25 estudos sobre este assunto, e que foi publicada na revista “The Lancet”.

Pesquisadores  da University College London (Reino Unido) examinaram os efeitos de horas de trabalho mais longas na frequência de AVC.  A metanálise foi composta de dados de quase 529 mil mulheres e homens.

O efeito negativo de muitas horas de trabalho é impressionante – principalmente em termos de risco de AVC. Aqui, os pesquisadores registraram uma associação tipo “efeito de dose”: em comparação com pessoas que trabalhavam de 35 a 40 horas por semana, aqueles que trabalhavam entre 41 e 48 horas tinham um risco dez por cento maior de AVC. No grupo dos que trabalhavam de 49 a 54 horas por semana, o risco de AVC aumentava em 27 por cento. Foi encontrado um aumento de um terço em taxas de AVC entre pessoas que trabalhavam 55 horas e mais por semana (aumento de risco muito significativo).

Fica o recado de sempre: EQUILÍBRIO EM TODAS AS ESFERAS DA VIDA É FUNDAMENTAL!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s